2º “Simposio Internacional en Productividad en Lecheria Tropical” em Montero, Bolívia… Como foi?

De volta ao Brasil, após todos os momentos vividos durante essa semana nas cidades de Santa Cruz e Montero na Bolívia, chego a conclusão que a produção leiteira tropical precisa cada dia mais ser divulgada nos trópicos do mundo.

Durante o 2º Simposio Internacional en Productividad en Lecheria Tropical vi a vontade de aprender dos jovens bolivianos, em uma platéia com quase 500 pessoas, 80% eram estudantes extremamente atentos e tomando nota de tudo que falávamos. Isso nos faz acreditar que a Pecuária Leiteira Tropical é a solução para muitos países, e nós técnicos brasileiros temos um pouco de responsabilidade de que as tecnologias que desenvolvemos aqui chegue a essas pessoas que querem produzir eficientemente a baixo custo.

20170531_132204

O “Simposio” contou com palestras muito interessantes e focadas nas soluções já existentes para uma propriedade que quer produzir leite rentavelmente.

Com a palestra sobre Qualidade de leite e Impactos Econômicos, Dr. Diego Rendó abordou o tema com grande propriedade e praticidade. Dra. Jovita Eguez apresentou a importância da realização do Controle leiteiro Oficial, do qual ela é a responsável técnica e está desenvolvendo um grande papel na pecuária leiteira boliviana.

Representando o Grupo Cabo Verde, mais precisamente a Fazenda Santa Luzia, Maurício Coelho apresentou o manejo utilizado na propriedade, onde a produção diária é de 28.000 litros de leite sem o uso de ocitocina durante a ordenha. O manejo racional de bezerras e novilhas e seu sistema de seleção que lhe proporcionou um crescimento de 18% da produção de seus animais  foi o ponto alto do “Simposio”.

E encerrando com chave de ouro, Dr. Javier Ortiz, apresentou com simplicidade e praticidade a importância dos dados reprodutivos dentro da produção leiteira, focando sempre que a coleta de dados é uma das principais atividades que as propriedades devem adotar. Porque se você não mede, você não consegue gerenciar sua atividade.

18813848_792367570940895_7706660815470233535_n
Asocebu, Aganorte, Exponorte, Produtores e Palestrantes

Ao encerrar minha palestra tive a sensação de ver olhos brilhando vendo oportunidades futuras. Bolívia é o país da América Latina que tem o menor consumo de leite per capita, por isso os desafios a serem enfrentados pelos produtores não são poucos.

Muito obrigada pela oportunidade de fazer parte da história de mudanças na produção boliviana de leite.

Um beijo e um queijo

Lilian Jacinto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s